Conceitos basicos usados na astronomia.

Muitos de vocês já ouviram sobre este tema em livros de ficção científica, filmes ou séries. E muitos destes temas parecem um tanto confusos e estranhos, mas não deixam de ser bem interessantes. Quem já pensou na  possibilidade de visitar o passado ou futuro? O que aconteceria se tivéssemos essa possibilidade? Já pensou em quais lugares que iriamos visitar e pessoas que você irá conhecer? Ah! Meu caro, isso não é tão simples assim como vós pensam, não é somente resolver ir e pronto, se pensar assim terá um pouquinho de dificuldade. Hásempre uma teoria comprovada ou hipotetica por detrás dessa aventura  é tão simples. Questiono-te saberia me dizer qual teoria mais importante que pode explicar esses temas?

É a Teoria da Relatividade Geral de Einstein

Antes de irmos a essa explanação  é  necessário compreender que é bem complexa e precisamos dominar os principais conceitos (básicos)  que precisamos compreender: gravidade, espaço, tempo e velocidade da luz. Sabe conceituar esses termos? O que é Gravidade? É a força que dilata o espaço-tempo, mas o que significa?  Bom! Todo objeto existente no universo possui “massa”, ou seja, ela pesa, certo?  É esse peso que modifica o espaço que o objeto está inserido, chamamos distorção do tecido do espaço-tempo. Bom!  Imagine um brinquedo “pula-pula” muito conhecido por todos nós. Pense que o tecido que cobre todo o espaço do brinquedo seja  “o espaço” que o objeto esteja inserido, e agora observe o que acontece se você colocar uma bola com um “certo peso” nesse brinquedo? o que aconteceria? Isso mesmo! A bola afundaria e formaria um “certo buraco ao seu arredor”, é isso que chamamos GRAVIDADE. Agora você entendeu. Observe esta imagem a seguir.

Ok. Já que entendemos o significado comceitual da gravidade, lhe convido a pensar o que é velocidade da luz?  Se  pensarmos bem esta não é tão difícil podemos dizer que “o quão rápido um objeto pode se locomover” dizemos assim por essa velocidade ser a mais rápida que conseguimos medir. A sua velocidade pode alcançar  a marca de 299.792,458 km por segundo, isso daria 7 voltas na terra  em 1s ou 8 minutos entre a terra e o sol UAU! Que rápido! dá para imaginar viajando nesta incrível velocidade? Entendeu este conceito?

Será que possa haver algum objeto  que posss ultrapassar esta velocidade, quem sabe?  Hum! Vejamos. Lembra do Einstein? Sim, o físico da teoria da relatividade? Ele nos proibiu superar esta velocidade, sabe?  é lei (lei é lei) tem razões para não podermos  desobedecê-lo. Por que ele proibiu? Um objeto para alcançar esta velocidade precisaria de massa infinita e energia infinita? Com a tecnologia que possuímos até o momento não  conseguiramos utrapassar este feito.  Tem um velho ditado da física que diz: que o que  não é proibido é obrigatório, mas hoje não podemos nos locomover nesta velocidade, infelizmente. Ok? Aprendemos o que é velocidade e o quão rápida ela é? Porém, tem um termo derivado que é muito usado para “medir” distância entre objetos em nosso universo. Denominamos anos-luz. Eita! Como assim anos-luz mede distância?

Você compreende que os objetos que encontramos em nosso universo estão muito longe que o seres humanos demoraram milhares de anos para chegar com o máximo de velocidade que temos na terra para  termos  uma ideia a estrela fora do Sistema Solar, a  próxima Centauri está em uma distância de 4 anos-luz, ou seja,  demoraríamos 4 anos percorrendo na velocidade da luz até chegar nesta estrela. Entendeu?  O termo ano-luz se encaixa melhor para medir distância no cosmos devido a sua extensão , pois não seria interessante medir em quilômetros ou metros, teríamos muitos números.

Então, veja que um ano-luz corresponde a 9,46 trilhões de quilômetros, nossa! Só isso já nos deixa confusos.  Como calcular esta distância?  Imagine  um objeto esteja a 100 anos-luz de distância qual o valor em quilômetros isso resultaria? Outro exemplo temos a nossa galáxia ela possui um tamanho de 100 milhões de anos-luz  o quanto de números isso resultaria? E o universo observável tem +14 bilhões de anos-luz de tamanho, imagine a infinidade de números ao transformasse em km? Compreendeu porque o termo ano-luz serve para calcular a distância e tamanho dos objetos cósmicos?

Bom! E se por acaso construirmos uma máquina que possa alcançar a velocidade da luz, que use energia e massa não fosse o problema? O que aconteceria conosco, os passageiros? Bom! o nosso Einstein previu em sua teoria que um objeto que alcança a velocidade da luz poderia desacelerar o tempo, então se estivesse a bordo a paisagem ao nosso redor passaria em câmera lenta para  quem está na nave vejam e teriamos alguns benefícios: envelheceriramos bem devagar em comparação aos amigos que ficaram na terra.

Outro exemplo é imaginar a questão da  velocidade da luz e mesmo com a proibição possuímos uma alternativa para alcançar lugares mais distantes, com ou sem a velocidade da luz. Bom! Já ouviu sobre a distorção do espaço-tempo? Se você tiver próximo a um objeto que possui  grande massa ele pode causar o efeito de desaceleração?  Imagine que as leis da física sejam inválidas neste exemplo. Abordo da nave mais veloz   chegamos próximo ao um buraco negro supermassivo, ele é muito denso , sendo possuidor de uma enorme força gravitacional, portanto  distorcerá o espaço próximo a ele, com isso poderia desacelerar a nossa nave deixando o tempo passar lentamente e quando voltássemos à terra resultaria no avanço de muitos anos ou até centenas de anos, não é INCRÍVEL?

Há outra maneira que poderíamos usar para viajar distâncias absurdas. Os buracos de minhoca? Sim! Eles estão na física e são bem comentados na comunidade científica. E o que eles são? Buraco de minhoca é o mesmo que  dobrar o espaço. Como assim? Pegue uma folha de papel e dobre de uma ponta a outra que fique em conformidade, constate o exemplo.

Assim dobramos o espaço, observe que a distância diminuiu entre a entrada e saída deixando a viagem muito mais rápido entre o universo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Os dois lados da música: prazer e prejuízos físicos

sáb abr 16 , 2022
Quem tem medo da música? Este é uma célebre frase que ouvia na TV em um  programa que exibia músicas clássica e os grandes desempenhos dos profissionais dessa arte tão maravilhosa.  A música é milenar, está sempre presente em todos os lugares ao redor do mundo, muitos utilizam para variadas […]