O Nosso Brasil




Bom! O que podemos pensar do nosso país hoje? Sei que não devemos jugar ninguém por seus atos, mesmo por que além de humanos, nós erramos muito. O seu erro pode ser o meu também sem que você perceba. Mas quando falamos de Brasil gosto de comentar o que de bom nosso país tem para oferecer quando tratamos de geografia política e geopolítica atual. O nosso país tem aproximadamente 204 milhões de habitantes, com cerca de 8.5 milhões de km², com uma densidade demográfica de 36 km² por área habitada, o nosso país é referência mundial na qual destacamos as nossas praias, músicas e festivais.




O Brasil é conhecido como um “país tropical abençoado por Deus” como diz uma famosa canção do músico Jorge Ben Jor. Realmente somos privilegiados geograficamente falando, nós não temos preocupações com terremotos, porque estamos encima da placa tectônica, por isso não temos tantos abalos sísmicos, apenas pequenos tremores de terra nada que possa destruir ou causar inúmeras mortes. O nosso país possui uma diversidade climática que é invejável aos outros países, temos de tudo: Desde o equatorial, tropical até o subtropical, quente e frio para todos os gostos.
O nosso país é conhecido por ser o “pulmão” do mundo devido a imensa diversidade de vegetação que temos, a Amazonas possui km de pura vegetação, recheada de plantas e espécies, temos o maior bioma do mundo, sem contar a mais bela bacia hidrográfica de todo o planeta. Do norte ao nordeste do rio Araguaia a São Francisco, paraná e platina e até o aquífero guarani, dos pampas gaúcho ao sertão nordestino, da terra da garoa até os festivais do bumba meu boi do Amazonas, do frevo ao cerrado do centro oeste.




O nosso país Brasil é rico em recursos naturais e produções agrícolas, somos destaque no MERCOSUL e em outras transações comerciais, na verdade produzimos muito até chagarmos ao ponto de emprestar dinheiro ao FMI. O nosso país é marcado por diversos pontos positivos como a valorização da moeda nos últimos 10 anos, quando tivemos o clímax no Rank econômico mundial ao passarmos o PIB (Produto Interno Bruto, é toda a produção econômica realizada no ano decorrente) da Inglaterra.
Parece até inverdade em pensar, que podíamos ter esse feito tão grandioso, esse feito, se deu devido ao fortalecimento econômico que tivemos e aumento de produtividade das empresas nacionais e multinacionais e com isso passamos por segurança na crise das imobiliárias de 2008, que por sua vez acarretou em crise mundial nos Estados Unidos e União Europeia.




O Brasil passa a ser reconhecido ainda mais no cenário mundial, até cogitava-se uma cadeira cativa na ONU nessa mesma época o Rank de exportação, alcançou níveis que nem sonhávamos em ter e o MERCOSUL estava fortalecido, apesar de que nossos parceiros comerciais como Argentina sofria com a crise e com a desvalorização da moeda. Mesmo assim estávamos forte e caminhávamos ao progresso econômico e político.
É notório que estávamos em vantagem econômica o nosso PIB crescia, tínhamos maior “voz” política nas grandes conferencias internacionais G20, sendo que uma dessa foi realizada em nosso país a pouco tempo atrás. Participamos ativamente nas maiores reuniões internacionais nos últimos 20 anos. Sem contar que o IDH (O Índice de Desenvolvimento Humano) no Brasil estava crescendo, pouco mais estávamos, as pessoas começaram a ter uma melhor condição de vida, a expectativa cresceu, a saúde se modernizou, principalmente quando foi implantado o SUS em nosso território na década de 90, melhorou significativamente o sistema público em nosso país, apesar de muitas críticas negativas, o projeto SUS é o melhor pensado do mundo, podemos afirmar que ele é o melhor do que muitos países desenvolvidos da União Europeia.




Tivemos um avanço em setores que éramos fracos a saúde e educação, com modernização e implementação de recursos audiovisuais e laboratório de informática nas escolas públicas, e aquisição de livros para bibliotecas, o nosso país deixa para trás as mazelas e a pobreza que marcou negativamente as nossas vidas durante anos de sofrimento, por isso que gosto desse país.




Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *